13 de dezembro de 2015

Destralhando meu computador


Fim de ano chegando e quando pensamos que não, chega aquela inspiração básica de organizar tudo, resolver todas as pendências, ser multitarefas. Antes que você comece a entrar em pânico e surtar geral (espero que você não seja uma dessas pessoas) comece organizando sua vida digital para não entrar em 2016 cheio de tralhas digitais. 

Eu mesmo, estou em processo de destralhamento digital. Desde o começo do mês. Tudo o que estou acumulando espero terminar de ver, limpar, ler, eliminar daqui pro fim de ano. E creio que conseguirei. Com exceção da minha pasta de seriados e ebooks, que é gigantesca e sempre vou eliminando ao longo dos meses. São as únicos arquivos que vou passar para 2016. 

Já não tenho músicas em meu computador que valam a pena permanecer. As poucas que tem estou eliminando aos poucos à medida que vou atualizando minhas playlists online conta do blog no Youtube. Será assim que ouvirem música em 2016 e creio que o resta da vida: por playlists online. 

Já os documentos não tenho muitos. Já quase não salvo documentos (fora os ebooks). Então dessa categoria não tenho muita coisa para limpar, já fiz uma limpeza mestre. Na parte dos vídeos tenho uma pastas com alguns filmes históricos e de literatura portuguesa e brasileira. Espero vê-los até o fim do ano e assim apagar completamente a pasta. São filmes raros de história, literatura, sociologia e filosofia que quero muito ver. Alguns datados com histórias do descobrimento do país. AMO. <3

Estou saindo eliminando imagens que não servem espalhadas por todo o computador (não sei como deixei chegar nesta situação, não vai se repetir) e principalmente de posts que já foram ao ar no blog. Imagens para posts do blog. Já serviram seu propósito então enviarei para a lixeira. Já não tenho imagens na aba de imagens fora as do blog. Não tenho mais o costume de salvar imagens que não sejam para posts do blog há um bom tempo. 

Todas as minhas imagens e fotos pessoais dos meus passeios que faço diariamente estão na minha conta pessoal do iCloud na nuvem de armazenamento online separada e organizada por pastas, categorias, localização, etc. Passo do iPhone diretamente, ou raramente do computador para o programa. Não acumulo mais nenhuma foto. 

No mais é isso. Todo o destralhamento que venho fazendo é mais demorado porque algumas coisas eu tenho que primeiro ler e assistir para poder me livrar. As melhores séries, melhores filmes e melhores livros, sempre upo (carrego/guardo) na minha outra conta pessoal para este fim lá no servidor de downloads do MEGA. Os arquivos são grandes, por isso a escolha. E também é 98% seguro em relação aos demais servidores. 

Como vocês tem organizado seu computador nesta reta de fim de ano? Empolgados para estrelar 2016 sem nenhuma pendência virtual? Vamos conversar. <3 Um lindo e produtivo domingo, abraços. 

Ewerton Lenildo
Ewerton Lenildo

Garanto tudo, menos dignidade. Sou o furacão dos dias mansos e a brisa das trovoadas. Gosto dos detalhes e dos temperos fortes. Tudo o que eu faço na minha vida, faço com supremacia. Onde escrevo: o Viajante das Letras e o Vegano Recifense. 🌲 🌳 🌴

2 comentários:

  1. Menino do céu... EU não faço destralhamento eu acho... Eu coloco tudo em uma pasta, por exemplo, de boletos, contas, imagens, coisas do blog, acabo não separando.... Tento resolver as pendencias anotando como coisas que eu tenho que fazer num caderninho de organizações mas sempre acaba ficando muita coisa pra trás...
    Gostei do jeito que voce faz viu :D deu ate inspiração rsrs
    fiquei muito feliz que tenha gostado da resenha... se ler eu quero ver depois viu rsrs
    e agora ta chegando natal uuhul!!
    Um beijo!
    Pâm - www.interruptedreamer.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que ótimo que te inspirou. <3
      O Natal foi ótimo, hehehe. Beijos.

      Excluir

Laços atemporais

Não tenho para onde fugir. Desde sempre quando falo de livro, em livro, com livro, meu coração transborda de amor e vício louco. Quando passo numa banca de DVDs não consigo deixá-la de lado. Tenho que ir, ver, comentar, compartilhar, abraçar. Esta categoria representa tudo o que implica a minha mais alta motivação. Sou bibliófilo, cinéfilo de carteirinha. Passo horas em pé na livraria e perco a noção do tempo. Falar de coisas boa me dá combustível para viver e esta categoria está recheada de presentes bons. Saiba mais aqui.

Festim enigmático

Sempre estou em festa quando falo sobre tecnologia, relacionamentos, inspirações, etc. É isto o que esta categoria representa. Queria um nome que representasse festa, ao mesmo tempo que me inspirasse e a palavra "enigmático" cai como uma luva. Trata de uma euforia que não consigo ignorar. Saiba mais aqui.

Atauúba atiaîa

Eu estava procurando uma maneira de homenagear os povos indígenas de alguma forma no meu blog. Pouquíssimas pessoas sabem, mas recentemente descobri que tenho descendência indígena de bem próxima o que me deixou mais apaixonado e agradecido ainda. Procurei algo mais geral, pois é sabido que há inúmeras tribos espalhadas pelo Brasil e pelo mundo. Procurei algo em tupi guarani (língua em que o nome da categoria está escrita) e achei a combinação de duas palavras. Atauúba (flecha incendiária) Atiaîa (raio de luz que reflete luminosidade). O termo Atauúba atiaîa significa a modo grosso "flecha incendiária de luz" e é tudo o que esta categoria representa para mim quando falo de organização, estudos, etc. É uma maneira mínima de honrar nossos irmãos indígenas ainda hoje tão maltratados, perseguidos e injustiçados. Saiba mais aqui.