9 de dezembro de 2015

Uma rotina fixa de estudos


Vim conversar com vocês hoje sobre um assunto que vinha martelando na minha mente há meses. Noto sempre que mal converso com vocês sobre a questão estudos, fase esta que sempre estou imerso, sai ano entra ano. Estudos de vestibular, mais especificamente. Como poucos sabem venho tentando medicina faz um tempo. Entretanto até o ano passado não me dediquei verdadeiramente ao meu objetivo e somente este ano as coisas ficaram um pouco mais claras. 

Esse ano de 2016 quero que seja decisivo na minha vida. Será o ano da minha aprovação, creio nisto. Para atingir este objetivo formulei minha rotina e horário de estudo, porque senão, fico perdido. Muito perdido e não estudo as matérias que preciso, nem no prazo que preciso. A organização é peça chave para qualquer conquista. É neste ponto que quero entrar hoje com vocês, no ponto da importância (pelo menos para mim) de uma rotina fixa de estudos. 

Minha rotina (a partir dessa semana) será a seguinte: 

- Acordar às cinco da manhã, cinco e meia. Tomar um banho, comer, começar a ler pelas seis da manhã. A partir das sete começo a estudar para o vestibular. Vou intercalando as matérias entre uma hora, uma hora e meia e assim vou vendo vídeo-aulas, fazendo anotações e resolvendo exercícios. Rendendo o máximo meus estudos. Vejam meu cronograma e horário particular para o ano de 2016, começando já este mês a valer:


Eu cortei a última hora deste meu horário, no caso das dez às onze da noite, e incluí mais uma hora de leitura diária. No caso lerei duas horas por dia. Uma hora pela manhã e uma hora pela noite. Todos os dias. Nos fins de semana estou um pouco mais livre, então posso aprofundar a leitura, especialmente para o blog e para escrever e mexer no mesmo. 

Como estou focando no ENEM, até o momento este plano irá servir. Claro, ele serve para mim, principalmente porque abdiquei de tudo (e isto é um privilégio) para poder estudar somente para este objetivo. Estou tendo dificuldades em exatas faz um tempo e estou pensando em uma solução para isto, pois estou estudando sozinho e na hora que as dúvidas batem e não tem nenhum professor para auxiliar, complica. 

Na parte de humanas e ciências tecnológicas tiro de letra. Entretanto em exatas, me prejudico. Mas isso irá mudar. É muito importante para mim ter uma rotina fixa de estudos. Tenho muita facilidade em divagar e focar em outras coisas que não são a prioridade do momento. MUITA. Então se eu não tiver um horário, não saber o que devo fazer, acabou-se meu dia. Não rendo, não produzo e nada faço do que eu tinha prometido a mim mesmo fazer.

Mais do que ter uma rotina fixa de estudos é cumpri-la. Não adianta nada fazer tudo bonitinho e não seguir à risca o que está explícito. É uma tarefa árdua muitas vezes, mas pense mais na frente, quando chegar a aprovação. Vestibular é luta, é suor e sangue. Lanço aqui meu mais novo projeto pessoal e de carreira #VestibularÉSuorESangue! Começarei a usar esta referência em toda foto que eu postar a respeito.

Brincar de estudar é perder tempo e tempo vale mais do que ouro puro. Vou manter esta rotina fixa de estudos até onde der. Se não funcionar mudo tudo e retomo de onde dei uma pausa. Só não vou me prejudicar mais nenhum segundo. O tempo é curto e voa demais. Quando você olha para trás, já se passaram três, quatro anos e o que você construiu? Pense nisso. Seja produtivo e efetivo nos estudos.

Limpar a mesa de estudos, deixar somente o necessário, separar um ótimo material para estudar faz toda a diferença. Um lazer vez ou outra também é necessário. Somente. De restante é estudar até passar. Estudar, estudar, estudar e estudar. "Acordar para estudar". Estou pensando em tomar alguns cafés a mais, que quase não tomo, para enfrentar esta maratona de estudos. 

O negócio é tão sério que por conta deste projeto, que tomará quase 100% da minha semana, os outros projetos ficarão em segundo plano. Tirando os projetos de vida saudável que tenho para divulgar para vocês ainda e que não irão interferir neste projeto de estudos, o restante será menos cuidado. Só na medida certa. A prioridade são os estudos. Entra feriado, sai feriado. Isso não existe no meu novo horário. 

Quis somente conversar com vocês sobre o assunto porque me ajuda a esclarecer a mente e me dá aquela inspiração necessária para continuar. E ler matérias sobre excelentes estudantes orientais também sempre levanta minha bola, hahahahaha. Quem nunca? Um lindo dia para vocês meus queridos e amigos leitores. 

Ewerton Lenildo
Ewerton Lenildo

Garanto tudo, menos dignidade. Sou o furacão dos dias mansos e a brisa das trovoadas. Gosto dos detalhes e dos temperos fortes. Tudo o que eu faço na minha vida, faço com supremacia. Onde escrevo: o Viajante das Letras e o Vegano Recifense. 🌲 🌳 🌴

2 comentários:

Laços atemporais

Não tenho para onde fugir. Desde sempre quando falo de livro, em livro, com livro, meu coração transborda de amor e vício louco. Quando passo numa banca de DVDs não consigo deixá-la de lado. Tenho que ir, ver, comentar, compartilhar, abraçar. Esta categoria representa tudo o que implica a minha mais alta motivação. Sou bibliófilo, cinéfilo de carteirinha. Passo horas em pé na livraria e perco a noção do tempo. Falar de coisas boa me dá combustível para viver e esta categoria está recheada de presentes bons. Saiba mais aqui.

Festim enigmático

Sempre estou em festa quando falo sobre tecnologia, relacionamentos, inspirações, etc. É isto o que esta categoria representa. Queria um nome que representasse festa, ao mesmo tempo que me inspirasse e a palavra "enigmático" cai como uma luva. Trata de uma euforia que não consigo ignorar. Saiba mais aqui.

Atauúba atiaîa

Eu estava procurando uma maneira de homenagear os povos indígenas de alguma forma no meu blog. Pouquíssimas pessoas sabem, mas recentemente descobri que tenho descendência indígena de bem próxima o que me deixou mais apaixonado e agradecido ainda. Procurei algo mais geral, pois é sabido que há inúmeras tribos espalhadas pelo Brasil e pelo mundo. Procurei algo em tupi guarani (língua em que o nome da categoria está escrita) e achei a combinação de duas palavras. Atauúba (flecha incendiária) Atiaîa (raio de luz que reflete luminosidade). O termo Atauúba atiaîa significa a modo grosso "flecha incendiária de luz" e é tudo o que esta categoria representa para mim quando falo de organização, estudos, etc. É uma maneira mínima de honrar nossos irmãos indígenas ainda hoje tão maltratados, perseguidos e injustiçados. Saiba mais aqui.