10 de março de 2016

Já conhece a mídia social chamada: Widbook?



Trago hoje minhas observações sobre a mídia social Widbook

De acordo com o próprio site é nesta linha de pensamento: "Widbook é uma comunidade colaborativa onde você pode ler, escrever e publicar ebooks gratuitamente. Se você é um amante de livros, este é o lugar ideal para você. Seja você um escritor independente ou um autor já estabelecido, um leitor, um jornalista, um professor ou um amador, nós o convidamos a se conectar com pessoas do mundo todo e descobrir uma nova maneira de escrever e encontrar um novo mundo de ebooks para ler."

A descobri faz um bom tempo e só hoje tive abertura para falar aqui no blog. A missão da plataforma é "Nossa missão é possibilitar que pessoas compartilhem histórias e aprimorem a experiência de escrita e leitura de ebooks." O nome Widbook "reflete a evolução do processo de escrita e como o mundo digital garante fácil acesso e o compartilhamento de novas histórias. Optamos por usar a palavra, WIDGET (mini aplicativos utilizados localmente) em conjunto com a palavra, BOOK (LIVRO). A combinação dessas duas palavras representa a extensão do mercado editorial tradicional na web e através de dispositivos."



A plataforma é fácil de mexer e fácil de buscas, o que para mim, é ponto chave de bom manejamento inicial. Para saberem mais detalhes e muitas funções leiam este post aqui do TechTudo explicando alguns pontos bem direitinho. Há poucas informações que foram atualizadas então o artigo de 2014 ainda vale. <3

Caso queira se inscrever nesta mídia social clique aqui e vá para o site oficial no Brasil. Este post não é um publieditorial, nem foi comprado para ser publicado. É simplesmente a experiência e recomendação de um usuário que usou o serviço e gostou bastante. É muito bom para o público que ama ebooks, lê-los e publicá-los. Tem muita história boa para ler e de graça. <3 



Este post foi somente para mostrar a vocês este amor de Mídia social. Se for do interesse de vocês, inscrevam-se e, sejam felizes. Quem já conhece: você é usuário ativo? Até amanhã amigos. 

Ewerton Lenildo
Ewerton Lenildo

Garanto tudo, menos dignidade. Sou o furacão dos dias mansos e a brisa das trovoadas. Gosto dos detalhes e dos temperos fortes. Tudo o que eu faço na minha vida, faço com supremacia. Onde escrevo: o Viajante das Letras e o Vegano Recifense. 🌲 🌳 🌴

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Laços atemporais

Não tenho para onde fugir. Desde sempre quando falo de livro, em livro, com livro, meu coração transborda de amor e vício louco. Quando passo numa banca de DVDs não consigo deixá-la de lado. Tenho que ir, ver, comentar, compartilhar, abraçar. Esta categoria representa tudo o que implica a minha mais alta motivação. Sou bibliófilo, cinéfilo de carteirinha. Passo horas em pé na livraria e perco a noção do tempo. Falar de coisas boa me dá combustível para viver e esta categoria está recheada de presentes bons. Saiba mais aqui.

Festim enigmático

Sempre estou em festa quando falo sobre tecnologia, relacionamentos, inspirações, etc. É isto o que esta categoria representa. Queria um nome que representasse festa, ao mesmo tempo que me inspirasse e a palavra "enigmático" cai como uma luva. Trata de uma euforia que não consigo ignorar. Saiba mais aqui.

Atauúba atiaîa

Eu estava procurando uma maneira de homenagear os povos indígenas de alguma forma no meu blog. Pouquíssimas pessoas sabem, mas recentemente descobri que tenho descendência indígena de bem próxima o que me deixou mais apaixonado e agradecido ainda. Procurei algo mais geral, pois é sabido que há inúmeras tribos espalhadas pelo Brasil e pelo mundo. Procurei algo em tupi guarani (língua em que o nome da categoria está escrita) e achei a combinação de duas palavras. Atauúba (flecha incendiária) Atiaîa (raio de luz que reflete luminosidade). O termo Atauúba atiaîa significa a modo grosso "flecha incendiária de luz" e é tudo o que esta categoria representa para mim quando falo de organização, estudos, etc. É uma maneira mínima de honrar nossos irmãos indígenas ainda hoje tão maltratados, perseguidos e injustiçados. Saiba mais aqui.