4 de julho de 2016

O blog com um aninho de vida 🌟


Gente do céu! Mês passado, no dia 01 de Junho, este cantinho abençoado por Deus fez um aninho de vida! Não fiz um post no dia por motivos já explicados no post de ontem, rs. Qualquer dúvida dá uma lida. Então vim com este post só relembrar e agradecer pela alegria que é ter este blog e ter leitores tão lindos como vocês. 

Quero agradecer a cada leitor e leitora que doou um pouquinho do seu tempo precioso para fazer um comentário, para curtir uma foto, para compartilhar alguma postagem, para responder algum comentário que fiz, para recomendar meus textos para outrem. Muitíssimo obrigado! Deus vos recompense. 

Ter um blog vai além de toda explicação plena. Fico sem saber dizer o tipo de prazer que este cantinho maravilhoso me traz todos os dias. É uma sensação de dever cumprido, de aprendizado. Me sinto um ser humano melhor quando exponho e organizo meus pensamentos através da escrita neste elo perdido e tao pessoal, tão íntimo. 

Fica este post como um agradecimento e com a promessa de que aqui você tem um companheiro se precisar. Ano que vem, no segundo ano do blog (e muitos anos depois, espero), farei algumas promoções e terão surpresas, prometo. Vou organizar isso direitinho. Este ano foi tudo tão corrido que não deu para planejar nada muito sólido. 

No mais é isso, não vou tentar enrolar vocês, pois o intuito deste post é ser o mais simplório e singelo o possível. Não saiam deste cantinho sem deixar um comentário lindo. Obrigado sempre! Até amanhã.

Fonte da foto: aqui.
Ewerton Lenildo
Ewerton Lenildo

Garanto tudo, menos dignidade. Sou o furacão dos dias mansos e a brisa das trovoadas. Gosto dos detalhes e dos temperos fortes. Tudo o que eu faço na minha vida, faço com supremacia. Onde escrevo: o Viajante das Letras e o Vegano Recifense. 🌲 🌳 🌴

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Laços atemporais

Não tenho para onde fugir. Desde sempre quando falo de livro, em livro, com livro, meu coração transborda de amor e vício louco. Quando passo numa banca de DVDs não consigo deixá-la de lado. Tenho que ir, ver, comentar, compartilhar, abraçar. Esta categoria representa tudo o que implica a minha mais alta motivação. Sou bibliófilo, cinéfilo de carteirinha. Passo horas em pé na livraria e perco a noção do tempo. Falar de coisas boa me dá combustível para viver e esta categoria está recheada de presentes bons. Saiba mais aqui.

Festim enigmático

Sempre estou em festa quando falo sobre tecnologia, relacionamentos, inspirações, etc. É isto o que esta categoria representa. Queria um nome que representasse festa, ao mesmo tempo que me inspirasse e a palavra "enigmático" cai como uma luva. Trata de uma euforia que não consigo ignorar. Saiba mais aqui.

Atauúba atiaîa

Eu estava procurando uma maneira de homenagear os povos indígenas de alguma forma no meu blog. Pouquíssimas pessoas sabem, mas recentemente descobri que tenho descendência indígena de bem próxima o que me deixou mais apaixonado e agradecido ainda. Procurei algo mais geral, pois é sabido que há inúmeras tribos espalhadas pelo Brasil e pelo mundo. Procurei algo em tupi guarani (língua em que o nome da categoria está escrita) e achei a combinação de duas palavras. Atauúba (flecha incendiária) Atiaîa (raio de luz que reflete luminosidade). O termo Atauúba atiaîa significa a modo grosso "flecha incendiária de luz" e é tudo o que esta categoria representa para mim quando falo de organização, estudos, etc. É uma maneira mínima de honrar nossos irmãos indígenas ainda hoje tão maltratados, perseguidos e injustiçados. Saiba mais aqui.